Um dos acusados já foi detido, mas para não atrapalhar as investigações, a Polícia Civil ainda não divulgou o nome dos outros dois suspeitos acusados de participarem do assassinato

Três suspeitos de assassinarem o oficial de justiça mineiro, Ronald Alves da Fonseca e Silva, de 55 anos, foram identificados pela polícia. A vítima foi morta enquanto bebia em um bar, no município de Barra de São Francisco, região Noroeste do Estado, na última quarta-feira (17).

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Juliano Batista, um dos suspeitos foi preso, e dois continuam foragidos. Para não atrapalhar as investigações, a Polícia Civil ainda não divulgou o nome dos suspeitos.

Sobre a motivação do crime, o delegado informou que o oficial de justiça sempre frequentou o bar onde foi assassinado, e há dois meses ele teria socorrido uma vítima de tentativa de homicídio no local, o que teria provocado revolta por parte dos criminosos.

Fonte: infojus


Postar um comentário Blogger

 
Top